Deus me enviou um anjo , um anjo diferente que não possui asas , porém isso não o impede de voar , um anjo que mesmo de longe consegue me proteger ,um anjo que usa calça jeans , camisa xadrez e tênis , o qual se chama Luan Rafael. Cara eu o amo mais que tudo nessa vida,e eu vivo em busca do melhor abraço do mundo,o dele. Desistir ? Jamais ,essa palavra não existe no meu vocabulário. Então pequena ,a única coisa que eu lhe peço é que nunca desista de seus sonhos , corra atrás , lute , acredite , tenha fé e tudo dará certo pois Deus nunca abandona o coração de um sonhador.''Só quem sonha consegue alcançar''. Luanete lendo o meu coração.



Meu pequeno principe
FAQ
Eu o chamo de anjo ...
Eu te vivo mais que tudo nessa vida ...

theme by sabedorias, with details
by sk8er-girl, desesperancoso, affectingyou e late-to-write.
« dont copy, dont remove this tag »

A felicidade e o inferno. (parte 1) 

  •  Sempre fui muito tímida, tenho 20 anos e estou cursando faculdade de biologia em Londrina. Tenho dois melhores amigos, Aline e Jean e moro com eles. Meus pais moram em São Paulo. Como eu já disse, moro com meus amigos, mais é raro quando ficamos juntos, todos nós fazemos faculdade e trabalhamos, então o tempo que sobra é pouco.
  •  A Aline faz faculdade de medicina, é muito hiperativa e adora uma balada. Já o Jean faz faculdade de publicidade, é bem intelectual e surfa muito bem.
  •  ...
  •  Era meu aniversário, e como eu, Aline e Jean estávamos de férias, resolvemos curtir uma nova balada sertaneja que havia inaugurado em Londrina. Já eram 20;00 hrs, então tomei banho, sequei meu cabelo, fiz uma maquiagem pra noite, coloquei um vestido pink e um salto branco que a minha mãe tinha desenhado e feito somente pra mim (minha mãe era uma estilista de muito bom gosto, sempre ela me mandava peças novas). Coloquei alguns acessórios e estava pronta. Fui para a sala e somente Jean já estava pronto, Aline como sempre se atrasou.
  • Aline: Estou pronta! Vam... – disse me olhando dos pés à cabeça – Que isso hein amiga, tá uma gata!
  • Eu: Ai Aline, não exagera vamos logo.
  •  Jean foi quem optou por dirigir, chegando na balada, entramos e ela estava um tanto quanto lotada, não costumava sair muito de casa, então aquele ambiente todo movimentado e barulhento me incomodou um pouco. Aline logo puxou Jean para dançar, e assim fiquei sozinha sentada os observando. Meu celular tocou, olhei na tela e era uma mensagem da minha sobrinha Isabela, éramos muito amigas, porém ela morava em São Paulo junto com o meu irmão e o resto da família. A mensagem dela dizia “Parabéns tia! Saiba que eu te amo muito, e tô com saudade e espero te ver logo... Hoje é seu dia e te desejo tudo de melhor, o pai tá mandando um abraço e disse que é pra ter muito juízo viu?! KKK. Ah, e os namorados? Precisamos conversar, amanha você pode me ligar? Queria passar minhas férias com você... Te amo muito. Beijos da sua sobrinha linda, Isabela.”. Sempre fui muito chorona, e como era de se esperar, eu estava chorando e em meio à algumas lágrimas que ousavam cair respondi o sms “Minha princesinha, obrigada por tudo a tia te ama demais! Amanha te ligo para conversarmos assim já falo com o seu pai pra ver se ele te deixa vir aqui. Manda um beijo pra todos, te amo. Beijos da sua tia mais linda de vivê, rs.”. Logo guardei o celular e enxuguei as lágrimas, afinal era dia de festa. Fiquei por mais um tempo observando a movimentação e resolvi ir para uma área reservada e mais calma que havia lá. Estava encostada em uma mureta quando um rapaz muito bonito por sinal se aproxima de mim, junto dele estava mais um homem meio baixinho e com uma cara muito séria. Conforme o rapaz ia se aproximando de mim pude ver seu rosto com mais clareza, era o Luan. É, aquele cantor, o Luan Santana, não sabia muitas coisas sobre ele, mais reconheceria muito bem aquele rosto em qualquer lugar, pois minha sobrinha Isabela era muito fã dele. Ele se encostou na mureta do meu lado, então sorri.
  • Luan: Oi, posso ficar aqui?
  •  Confesso que estava com um pouco de vergonha, não respondi, apenas balancei a cabeça positivamente. Ele se encostou na mureta ao meu lado e ficou me olhando por um tempo, senti meu rosto corar, droga, eu e essa minha maldita vergonha. Estava começando a ficar desconfortável, ele estava me olhando cada vez mais, então decidi sair dali.
  • Eu: Com licença. – sorri e saí.
  •  Continua [...]


Posted 1 year ago with 15 notes · reblog this
originally chats-com-ls via myneedluan

  1. asbackingsdoluan reblogged this from meutopetudo
  2. meutopetudo reblogged this from chats-com-ls
  3. loveluanrafa reblogged this from meunegolindotevivo
  4. meunegolindotevivo reblogged this from myneedluan
  5. eu-te-vivo reblogged this from asnegasdoluanrafael
  6. asnegasdoluanrafael reblogged this from myneedluan
  7. myneedluan reblogged this from chats-com-ls
  8. bruubslimaa reblogged this from myneedluan
  9. luan-my-perfect-angel reblogged this from myneedluan
  10. monikjesus reblogged this from chats-com-ls
  11. chats-com-ls posted this